11.5 C
Brasília
Sábado, 25 Junho, 2022

“Prefiro um presidente que fale demais, do que um que roube demais”, diz deputado

O presidente Jair Bolsonaro tem como uma das suas características a forma espontânea de se expressar, algumas vezes até impulsiva, o que faz com que o chefe do Executivo gere algumas polêmicas por causa das suas colocações nem sempre politicamente “corretas”.

Durante uma rápida coletiva para a imprensa na saída do Palácio do Alvorada, esta semana, Bolsonaro contou com a presença do deputado federal Bibo Nunes, que criticou duramente a imprensa e defendeu o “falar demais” do presidente.

“Prefiro um presidente que fale demais, do que um que roube demais”, afirmou o deputado, acrescentando que enquanto Bolsonaro usa “o verbo”, os governos Lula e Dilma utilizaram “a verba”, em referência às denúncias de desvios bilionários feitas pela a operação Lava Jato.

Bibo também criticou a imprensa: “O dever do jornalista é informar e não debater”, disse ele se dirigindo ao grupo de jornalistas que estava no local. Assista no vídeo abaixo:

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: