23.5 C
Brasília
Sábado, 25 Junho, 2022

Bia Kicis volta a rebater Barroso, do STF: “Vai ter voto impresso auditável sim”

A deputada federal Bia Kicis, presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, voltou a rebater o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luiz Roberto Barroso, quanto à adoção do voto impresso auditável no Brasil.

Barroso tem criticado insistentemente a intenção de parte dos parlamentares de adotar o voto impresso no país. Kicis é autora de uma PEC (Projeto de Emenda Constitucional) que já está em tramitação na Câmara, em análise numa comissão designada especialmente para isso.

Contra a proposta, o ministro declarou em uma entrevista par a O Globo que “passou o tempo de golpes, quarteladas, quebras da legalidade constitucional. Ganhou, leva. Perdeu, vai embora”, dando a entender que sistema eletrônico atual seria 100% seguro, sendo impossível haver fraudes.

Bia Kicis, por sua vez, voltou a responder Barroso através das suas redes sociais, chegando a compartilhar o vídeo de uma entrevista concedida pelo presidente Jair Bolsonaro a uma apoiadora mirim, a Esther. Na legenda, a deputada foi taxativa: “Vai ter voto impresso auditável sim”.

Em outra postagem, Kicis acrescentou: “Ao contrário das declarações do Ministro @LRobertoBarroso, eu não quero polemizar. Só luto por transparência no sistema eleitoral p/ que todo eleitor possa se sentir seguro.”

https://twitter.com/Biakicis/status/1398806880294735876

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: