11.5 C
Brasília
Sábado, 25 Junho, 2022

[Vídeo] Bolsonaro é recebido aos gritos de “mito” por multidão em hospital de Goiás

O presidente Jair Bolsonaro visitou nesta manhã (11) a obra de construção do primeiro hospital de campanha em Águas Lindas (GO), no entorno de Distrito Federal.

Serão 200 leitos adaptáveis para unidades de tratamento intensivo para atender pacientes com a covid-19. Na ocasião, o chefe do Executivo foi recebido por grande número de pessoas aos gritos de “mito”.

“A gente espera que ninguém ocupe. É igual seguro de vida, a gente paga mas espera não usar. A gente está fazendo o possível. Temos um preço bastante alto para pagar, mas em troca de vidas, tudo é possível”, afirmou o presidente ao se referir ao hospital.

“A gente pede a Deus que tudo dê certo. Como disse o [ministro da Saúde, Luiz Henrique] Mandetta, há uma preocupação nossa com a questão do emprego também, temos que colocar um limite em tudo o que for possível para não extrapolar”, completou Bolsonaro.

Além dos ministros Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo, Tarcísio de Freitas da Infraestrutura e Henrique Mandetta, da Saúde, o presidente também estava acompanhado do governador de Goiás, Ronaldo Caiado. 

Em dada ocasião, Bolsonaro tirou a máscara que estava utilizando e foi cumprimentar a população. Questionado por jornalistas sobre o gesto do presidente Caiado comentou com ressalvas. 

“Ele é o presidente, eu sou o governador. A minha posição foi a que vocês acompanharam”, falou Caiado ao se referir à utilização da máscara e do distanciamento mínimo das pessoas. “Essa é a posição que manteremos até o dia 19. Já estamos elaborando um planejamento sobre que áreas e regiões poderemos abrir”, completou.

Mandetta, por sua vez também comentou com reservas, mas demonstrando preocupação: “Eu posso recomendar (a não aglomeração), não posso viver a vida das pessoas. As pessoas que fazem uma atitude dessa hoje daqui a pouco serão as mesmas que estão lamentando”, disse ele, segundo Estado. Veja abaixo:

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: