11.5 C
Brasília
Quinta-feira, 30 Junho, 2022

Para Bolsonaro, “não há dúvida” que ministros do STF querem impedir sua candidatura

O presidente Jair Bolsonaro concedeu uma entrevista nesta quarta-feira à jornalista Leda Nagle, onde voltou a criticar e a fazer acusações contra ministros do Supremo Tribunal Federal, especificamente Luiz Roberto Barroso, Edson Fachin e Alexandre de Moraes.

Segundo Bolsonaro “eles ficam o tempo todo fustigando o governo, usando o poder que eles têm no Supremo para questionar o tempo todo”, neste caso, decisões tomadas no âmbito do Executivo que terminam sendo judicializadas.

Questionado sobre a suposta intenção dos ministros de querer impedir a sua candidatura, Bolsonaro disse não haver “dúvida”, argumentando que as reações contra o seu governo seriam um indicativo “claríssimo” a esse respeito.

“Não há dúvida. Vão conseguir? Eu acho que eles podem fazer tumulto. Eles podem, até lá, cassar o meu registro. Alguns dias depois, o pleno, por exemplo, desfaz. Mas fica aquela imagem para o Brasil todo. ‘Por que cassou o registro dele?’ Pensa logo em corrupção”, disse o presidente.

“Para desgastar, para ajudar o Lula. O Lula é o candidato desses três, eu não tenho dúvida disso. O Lula é o candidato do Fachin, do Barroso, do Alexandre de Moraes. Eles não fazem nada do outro lado, só do meu lado. Isso é claríssimo o que está acontecendo”, concluiu.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: