Mais

    Moro: ‘Lula está mais preocupado em reprimir protestos do que apresentar resultados’

    O ex-ministro e senador eleito Sérgio Moro reagiu às declarações recentes do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Por meio das redes sociais, o líder petista chamou manifestantes que invadiram edifícios dos Três Poderes, em Brasília, de “fascistas”, defendendo a punição dos mesmos.

    Moro, por sua vez, acredita que o foco do novo governo está errado, pois tem se preocupado mais em reprimir protestos do que “em apresentar resultados”. O ex-juiz da Lava Jato disse que esse não é um bom começo de mandato para o petista.

    “O novo Governo Lula iniciou mais preocupado em reprimir protestos e a opinião divergente do que em apresentar resultados”, disse Moro nas redes sociais. “De volta o loteamento político irrestrito de ministérios e estatais. Tudo em prol de uma misteriosa ‘reconstrução’ sem qualquer rumo. Não é um bom começo.”

    Sobre os atos ocorridos em Brasília, Lula prometeu a punição dos envolvidos. “Quem fez isso será encontrado e punido. A democracia garante o direito de livre expressão, mas também exige que as pessoas respeitem as instituições. Não tem precedente na história do país o que fizeram hoje. Por isso devem ser punidos”, afirmou o petista.

    Leia também:

    Posts da semana

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui