15.5 C
Brasília
Terça-feira, 28 Junho, 2022

Kassio Nunes tem a chance de “salvar ou enterrar a Lava Jato”, diz Janaína

A deputada Janaína Paschoal (PSL-SP) comentou o julgamento que tramita na 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal, a qual analisa a suspeição do ex-ministro Sérgio Moro durante a sua atuação enquanto juiz de 1ª instância na operação Lava Jato.

Até o momento, o julgamento está empatado, sendo 2 x 2, restando apenas o voto do ministro Kassio Nunes Marques, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro em 2020. Se Nunes votar contra a suspeição, o processo que lida com a condenação de Lula continuará nas mãos da Lava Jato em Curitiba.

Caso contrário, todo o processo será transferido para a jurisdição de Brasília, onde deverá ser reanalizado por outros magistrados, o que na prática significará a anulação da competência de Moro, em Curitiba, para condenar o ex-presidente Lula, conforme decideu monocraticamente o ministro Edson Fachin na segunda-feira (08).

“Amigos, Ministro Kassio terá uma oportunidade de ouro para evidenciar a que veio. A Lava Jato foi parte do necessário processo de depuração deste país. Ele pode salvar, ou enterrar, a Operação. Não vejo elementos suficientes para decretar a suspeição de Moro e anular tudo”, afirmou Janaína em sua rede social.

“O futuro do País, quem diria, está nas mãos do Ministro Kassio. Não, eu não estou falando de 22. Não estou pensando no futuro próximo. Estou falando de segurança, de confiança… Estou falando da possibilidade de um povo seguir acreditando na Justiça”, disse ela.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: