11.5 C
Brasília
Quinta-feira, 30 Junho, 2022

Governo Bolsonaro estuda criar mais um benefício de até R$ 250 para órfãos da Covid

Diante do número de mortos vitimados pelo novo coronavírus, o governo federal estuda implementar mais um recurso financeiro como forma de auxiliar pessoas que tiveram suas vidas impactadas pela pandemia, mas nesse caso de forma fatal, como a perda de entes queridos.

A intenção do governo é criar um benefício especial para órfãos da covid-19 dentro da reformulação do programa Bolsa Família. O valor em estudo está entre R$ 240 e R$ 250 por mês por criança e adolescente, segundo simulações feitas pelo Ministério da Cidadania.

Segundo o Estadão, o benefício seria dado automaticamente para crianças e adolescentes de famílias incluídas no programa de transferência de renda em que um responsável familiar, cônjuge ou adulto tenha falecido em decorrência da covid-19 desde o início da pandemia.

Se for implementado, a intenção é pagar o benefício até os 18 anos de cada beneficiado. O governo estima gastar R$ 196,2 milhões em 2022 para ajudar 68 mil crianças e adolescentes de 35 mil famílias que, neste momento, se enquadram nesses critérios.

Este seria mais um benefício, lado ao auxílio emergencial já existente desde o ano passado, o qual ainda será prorrogado novamente por mais três meses este ano, segundo informações já repassadas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, e confirmadas pela Tribuna de Brasília.

Associação Brasileira de indústrias Químicas culpa o STF por colapso de oxigênio

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: