10.5 C
Brasília
Quarta-feira, 29 Junho, 2022

Gabriel Monteiro se afasta da PM para se lançar a vereador: “Não terá outra opção”

O Policial Militar e YouTube Gabriel Monteiro, conhecido nacionalmente por ter confrontado o ex-comandante da Polícia Militar no Rio de Janeiro e atual coronel da reserva Ibis Pereira sobre suas possíveis ligações com o tráfico do Complexo da Maré, anunciou que pediu licença da corporação.

Segundo Gabriel, o motivo do seu pedido foi para se candidatar a vereador nas eleições desse ano, no Rio de Janeiro. Segundo o PM, esta foi a solução encontrada por ele para não ter a sua carreira prejudicada, supostamente por interesses de poderosos que estariam tentando lhe prejudicar por causa do seu trabalho contra a corrupção.

“Realmente hoje é meu último serviço na Polícia Militar. Ou eu saio de cabeça erguida ou não terá outra opção, eu vou ser destruído pelo sistema. E já foi falado que minha destruição é certa. Então eu tenho que ser sábio e não deixar que pessoas que não são dignas acabem com minha história”, afirmou Gabriel em um vídeo publicado no YouTube.

Para o agora PM licenciado, entrar para a carreira política é um meio de dar continuidade ao seu trabalho, mas de forma mais segura.

“Eu só tenho uma maneira para vencer esse sistema: utilizar a lei. Eles não vão me destruir. E a única maneira que eu posso fazer para não ser destruído e começar a fiscalizar o dinheiro público que vai para a polícia, é me blindar em um cargo onde vou ter mais proteção e trabalhar melhor. Assim, essas covardias não vão mais poder acontecer”, destacou. Assista:

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: