Mais

    URGENTE: Moraes determina o afastamento do governador de Brasília do cargo

    O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), afastou o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, por 90 dias, em virtude das manifestações em Brasília. Houve uma série de vandalismos em prédios públicos.

    A decisão de Moraes ocorreu no âmbito de um pedido do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) de inserir Rocha no inquérito dos supostos atos antidemocráticos. Segundo Moraes, os protestos tiveram a anuência de Rocha.

    “A escalada violenta dos atos criminosos resultou na invasão dos prédios do Palácio do Planalto, do Congresso Nacional e do Supremo Tribunal Federal, com depredação do patrimônio público, conforme amplamente noticiado pela imprensa nacional, circunstâncias que somente poderiam ocorrer com a anuência, e até participação efetiva, das autoridades competentes pela segurança pública e inteligência, uma vez que a organização das supostas manifestações era fato notório e sabido”, observou Moraes, na ação.

    Moraes disse que o afastamento de Ibaneis se justifica diante do cometimento dos seguintes crimes: atos preparatórios de terrorismo, associação criminosa, dano, abolição violenta do Estado Democrático de Direito e golpe de Estado.

    Com a ordem emitida na madrugada desta segunda-feira, 9, a vice de Ibaneis Rocha, Celina Leão, assume o governo interinamente. Com: Revista Oeste

    Leia também:

    Posts da semana

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui