Shoppings e comércios em geral reabrem em Brasília nesta quarta-feira

Shoppings e centros comérciais reabrem em Brasília nesta quarta-feira
Reprodução: Google

A reabertura do comércio em Brasília tem início efetivo nesta quarta-feira (27), após decreto publicado pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, na última sexta-feira (2s).

Shoppings e centros comerciais de Brasília vão reabrir após 69 dias fechados em decorrência das medidas de isolamento impostas por causa do risco de contaminação com o novo coronavírus.

O horário de funcionamento, no entanto, será reduzido nesse primeiro momento, sendo de 13h às 21h. Nos shoppings, áreas de recreação e brinquedotecas, além lojas de jogos eletrônicos, cinemas e teatros deverão permanecer fechados.

Isso porque como se tratam de espaços para lazer, onde há aglomeração de pessoas, esses locais ainda não retornarão às atividades.

Medidas de prevenção

A reabertura do comércio no Distrito Federal foi decretada na condição de que sejam estabelecidas medidas de prevenção à Covid-19.

Em Brasília, além do uso de máscaras e álcool em gel, os lojistas serão submetidos a testes de covid-19 de 15 em 15 dias. Uma parceria com o governo do DF vai oferecer esses testes, de forma gratuita. Cerca de 500 testes serão disponibilizados diariamente, segundo a EBC.

Conforme notícia do Tribuna de Brasília na terça-feira (26), o GDF também espera contar com a colaboração da população, que poderá fazer denúncias através do disque 100. A ideia é engajar a população no combate ao coronavírus.

“Não existe força tarefa no mundo que consiga fiscalizar todos ao mesmo tempo, por isso acredito que será muito importante uma participação social com a criação de um canal específico para denúncias”, afirmou o governador Ibaneis.

Além disso, proprietários de empresas deverão orientar seus funcionários quanto ao distanciamento mínimo recomendado.

A distância mínima de dois metros entre as pessoas também será obrigatória. O empregado, colaborador, terceirizado e prestador de serviço que apresentar sintomas do novo coronavírus deverá ser orientado a permanecer em isolamento domiciliar.