14.5 C
Brasília
Domingo, 26 Junho, 2022

Juiz diz que Bolsonaro deverá usar máscara em locais públicos, sob pena de multa

O presidente Jair Bolsonaro poderá ser multado em até R$ 2 mil reais caso não utilize máscaras de proteção contra o novo coronavírus, decidiu o juiz da Justiça Federal do Distrito Federal (DF), Renato Borelli, nesta terça-feira (23).

Borelli teve por base o decreto do governador de Brasília, Ibaneis Rocha, já em vigor e que vale para todos os residentes ou visitantes da Capital Federal. Em sua decisão, o magistrado pareceu fazer questão de citar o presidente da República como “réu”.

“Basta uma simples consulta ao Google para se ter acesso a inúmeras imagens do réu Jair Messias Bolsonaro, transitando por Brasília e entorno do Distrito Federal, sem utilizar máscara de proteção individual, expondo outras pessoas à propagação de enfermidade que tem causado comoção nacional”, afirmou, segundo o Valor.

O presidente Jair Bolsonaro tem participado de vários atos em Brasília, entre os oficiais e não oficiais, onde aparece não utilizando a máscara de proteção, conforme já recomendou o Ministério da Saúde.

Em algumas ocasiões, no entanto, o presidente argumentou que a não utilização do equipamento se deve ao fato de manter uma distância segura das pessoas.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: