21.5 C
Brasília
Sábado, 2 Julho, 2022

Moro manda a PF apurar de forma “implacável” possível desvio de verba na pandemia

O ministro da Segurança e Justiça, Sérgio Moro, anunciou que mandou abrir um procedimento investigativo para apurar possíveis desvios de recursos destinados pelo Governo Federal para o combate ao novo coronavírus, Covid-19.

“Determinei à Polícia Federal a abertura de investigações para apurar de forma implacável qualquer desvio de verba federal destinada ao combate do novo coronavírus, em qualquer lugar que isso ocorra. Trabalharemos juntos com a CGU”, disse Moro em sua rede social.

A declaração do ministro parte das suspeitas de que verbas estariam sendo usadas para outras finalidades, e não para combater à pandemia. O deputado federal Capitão Derrite comentou o anúncio de Moro.

“Depois dessa postagem do Ministro, acho que tem prefeito e governador que não vão conseguir dormir”, disse ele. No domingo, Moro destacou o trabalho da Polícia Federal ao prender e trazer para o Brasil um dos líderes da facção PCC, o “Fuminho”.

“A prisão segue a estratégia do Gov do Pr. Jair Bolsonaro e do MJSP de sermos duros, observada a lei, contra essas organizações criminosas. Prisão e isolamento dos líderes, apreensão de drogas e armas e confisco do patrimônio criminoso”, observou o ministro.

“Após sua prisão na terça-feira, Gilberto Nascimento, vulgo Fuminho, número 02 do PCC, foi expulso de Moçambique e trazido ao Brasil, para presídio federal na data de hoje. Um grande golpe contra o crime organizado e uma demonstração de que o Governo brasileiro tomará…”, concluiu.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: