13.5 C
Brasília
Quarta-feira, 29 Junho, 2022

“PT, PCdoB, PSOL estão perdendo tempo” em pedir lockdown nacional, diz Bolsonaro

O presidente da República, Jair Bolsonaro, veio a público comentar sobre uma ação que foi protocolada por partidos contrários ao seu governo no Supremo Tribunal Federal (STF), na qual exigem a imposição de um lockdown nacional.

Durante sua live semanal na quinta-feira (22), o presidente declarou que o Exército Brasileiro não será acionada para “manter o povo dentro de casa”, rebatendo a natureza da ação junto ao STF.

A ação direta de inconstitucionalidade por omissão foi apresentada pelo PCdoB e PSOL, através da qual os mesmos pediram “providências urgentes e inadiáveis necessárias ao combate à pandemia de Covid-19”.

“Eu já falei que o nosso Exército não vai para a rua para manter o povo dentro de casa. Está decidido. Então, PT, PCdoB, PSol estão perdendo tempo. E tudo [se] judicializa. Tenho certeza de que o STF não vai interferir nessa questão”, afirmou o presidente.

Ao continuar, o mandatário declarou que sempre foi contra a ideia de um confinamento geral, e que a tentativa de adotar esta estratégia seria um fator que agiria de modo a prejudicar o país.

“Nós já perdemos muito com o lockdown no Brasil. Sempre fui contra o lockdown. Fui favorável ao isolamento vertical, tá? Fizeram [o isolamento] horizontal e a desgraça está aí”, finalizou.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: