15.5 C
Brasília
Sábado, 2 Julho, 2022

Maia sai em defesa de Mandetta e diz que Bolsonaro “mais atrapalha do que ajuda”

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, saiu em defesa do ministro da Saúde, Henrique Mandetta, após o presidente Jair Bolsonaro tecer algumas observações críticas contra ele durante uma entrevista para a rádio Jovem Pan na noite da última quinta-feira, 03.

“Olha, o Mandetta já sabe que a gente esta se bicando há algum tempo. Não pretendo demiti-lo no meio da guerra. Em algum momento, ele extrapolou”, afirmou o presidente.

“Respeitei todos os ministros, ele também. A gente espera que ele dê conta do recado. Tenho falado com ele. Ele está numa situação meio… Se ele se sair bem, sem problema. Nenhum ministro meu é indemissível”, completou Bolsonaro na ocasião.

Rodrigo Maia, por sua vez, criticou a fala do presidente nesta manhã, afirmando que Bolsonaro “mais atrapalha do que ajuda” quando faz declarações dessa natureza. 

“Toda vez que ele (Bolsonaro) vem a público criticar o ministro, mais atrapalha do que ajuda, mas o ministro tem toda paciência ou equilíbrio para fazer o que tem que ser feito. Ele tem todo meu apoio: como cidadão e como presidente da Câmara”, defendeu o parlamentar.

“Não é uma gripinha, a gente precisa entender que é um vírus novo e devemos seguir a orientação do ministro e da OMS. Parece que o presidente é comentarista do seu próprio governo, e fica transferindo responsabilidade para os outros”, criticou Maia, segundo informações da Agência Câmara. 

“Ao mesmo tempo, ele (Bolsonaro) não tem coragem de tirar o ministro e mudar oficialmente a política (de combate à pandemia). Ele fica numa posição dúbia”, concluiu o deputado.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: