10.5 C
Brasília
Quarta-feira, 29 Junho, 2022

Janaína alerta: “Não ajuda o país quem tenta colocar o Ministro contra o Presidente”

Nas últimas horas, o ministro da Saúde Henrique Mandetta vem recebendo críticas dos opositores do presidente da República, Jair Bolsonaro. Eles acreditam que o médico está mudando o seu discurso sobre as medidas de proteção contra o coronavírus, a fim de agradar o chefe do Executivo, o qual vem pedindo mudanças no modelo de quarentena adotado até então no país.

A deputada Janaína Paschoal (PSL-SP), que nos últimos dias criticou duramente Bolsonaro por aparentemente minimizar a gravidade da pandemia, saiu em defesa do presidente e de Mandetta na manhã desta sexta-feira (26), alegando que apesar das divergências, a Saúde está agindo de forma correta.

“O Presidente tem a opinião dele. Eu já disse e repito: não concordo com ele. Mas o que importa é que, por enquanto, ele não tomou nenhuma medida para impedir os bons técnicos do Ministério de trabalhar. Reconheçam que o MS está liderando o combate à doença!”, afirmou a deputada.

“Estamos em isolamento horizontal, o Presidente quer o vertical, o Ministro pediu estudos a sua equipe. Andou bem! Com isso, temos mais uns dias de reclusão e um tempo maior para observar a curva dos óbitos, que é a que interessa!”, completou.

Na sequencia, a deputada criticou a politização da pandemia, afirmando que não é o momento para esse tipo de militância. Ela também criticou a suposta tentativa de alguns em querer colocar o ministro Mandetta contra o presidente.

“Quem politizar essa crise vai morrer com ela. A dor de perder um parente fica maior quando não se pode sequer prestar as homenagens! O Ministério da Saúde está trabalhando bem. Não ajuda o país quem tenta colocar o Ministro contra o Presidente. Não importa o que o Ministro fala, importa o que ele está fazendo”, conclui Janaína.

 

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: