28.5 C
Brasília
Sexta-feira, 12 Agosto, 2022

Eleições: Bolsonaro fará apresentação polêmica a “todos os embaixadores do mundo”

O presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer nesta segunda-feira (11) que se reunirá com “todos os embaixadores do mundo”, aqui no Brasil, para tratar das eleições este ano. Segundo o chefe do Executivo, o seu objetivo é fazer uma polêmica apresentação sobre fatos supostamente ocorridos nos pleitos de 2014 e 2018.

Na quinta-feira passada (7), Bolsonaro já havia anunciado que apresentará “um PowerPoint mostrando tudo que aconteceu nas eleições de 2014 e 2018. De 2020 também, bem documentado, em especial os números apurados em São Paulo. Com documentos do próprio TSE”.

“Vamos marcar para, na semana que vem, eu conversar com todos os embaixadores aqui no Brasil. Será um convite para todos eles”, completou Bolsonaro na ocasião. Nesta segunda, ele afirmou que serão pelo menos 150 embaixadores presentes no encontro.

Bolsonaro também afirmou para apoiadores que teremos “eleições limpas” este ano, citando a participação das Forças Armadas na fiscalização do pleito. Quanto aos observadores externos, convidados pelo ministro Edson Fachin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o presidente fez críticas:

“Eu pergunto: vem observar o que aqui? Eles têm acesso ao programa? Eles vão poder participar da apuração como técnicos em informática? O que esses observadores vem fazer aqui? Vem dar um ar de legalidade por ocasião das eleições?” Veja também:

Após criticar urnas e o TSE, Ministro da Defesa diz que o artigo 142 “é nosso farol”

DESTAQUE
Veja também:
close