15.5 C
Brasília
Sábado, 25 Junho, 2022

João Doria “intensificou a irmandade” entre o PT e PSDB, diz Janaína Paschoal

A deputada estadual e advogada Janaína Paschoal (PSL-SP) usou as suas redes sociais para comentar a declaração do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso acerca da sua intenção de voto para 2022, ocasião onde a parlamentar acabou alfinetando, também, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP).

‘FHC anuncia que, entre Lula e Bolsonaro, votaria em Lula. O curioso é que a Imprensa se surpreende! Rs. Basta analisar as décadas de união entre PT e PSDB na Alesp, para rapidamente perceber que esse voto é óbvio”, disse ela.

Na sequência, Janaína afirmou que o governador paulista contribui através da sua gestão para a interação entre o PT e o PSDB, indicando, segundo a parlamentar, que essa “união” histórica se mantém até hoje.

“Aliás, Dória teve chance de tirar o poder do PT na Alesp… Mas intensificou a irmandade! Só não vê quem não quer!”, completou a deputada. Durante um debate online ocorrido esta semana, FHC disse que entre Lula e Bolsonaro, na falta de uma “terceira via” votará no petista.

“Quero uma terceira via. Vou lutar para que haja um candidato. Se for do PSDB, bom. Se não for, também não tem importância. Mas vou votar contra Bolsonaro”, afirmou o ex-presidente, segundo informações do Valor.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: