Mais

    Coronel sugere que críticas ao Exercícito refletem a atuação do atual comandante

    A atuação do Exército Brasileiro, setor mais popular das Forças Armadas Brasileiras, na tragédia climática que se abateu sobre o Rio Grande do Sul, virou alvo de muitas críticas nas redes sociais, com populares acusando os militares de ações desastrosas e poucos recursos para o resgate dos civis, algo que já provocou a reação do comandante General Tomás Paiva.

    Também nas redes sociais, o coronel Márcio Amaro, hoje reservista, fez um comentário em defesa dos militares como um todo, ao sugerir que os supostos erros na operação de resgate no RS seriam reflexos do comandante da Força, e não dos soldados em si.

    “O Exército não é o comandante. Não é definido por decisões tomadas no momento. O Exército é o cidadão fardado. A Instituição que na hora da catástrofe, abdica do conforto, da segurança, da própria vida de seus componentes para prover abrigo a quem precisa”, comentou o coronel, adicionando um vídeo da atuação de militares resgatando pessoas.

    Durante uma entrevista para um site esquerdista na sexta-feira (10), o comandante do Exército reagiu, dizendo que “as fake news dificultam. Numa confusão como essa, é muito necessário que tenhamos informações fidedignas, para priorizar o que é mais grave.”

    “Precisamos da colaboração, mas isso não vai alterar a nossa motivação. Estamos comprometidos”, disse Paiva, informando também que “toda ajuda de país amigo tem sido aceita. Havia 8 ou 9 militares argentinos aqui na base, que vieram oferecer ajuda.”

    “A mesma coisa vale para o Uruguai. Atrapalhou a notícia de que recusamos, porque cria uma expectativa de que estamos refugando algum tipo de ajuda, o que não é verdade”, complementou o general.

    Ainda assim, civis têm utilizado as redes sociais para continuar postando críticas aos militares, com muitos divulgando vídeos, por exemplo, onde equipes do Exército estariam tendo dificuldades de operar em meio aos alagamentos no RS. Veja um deles, abaixo:

    Leia também:

    Posts da semana

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    close