13.5 C
Brasília
Quarta-feira, 29 Junho, 2022

“Já chegam com a sentença pronta”, alerta Alexandre Garcia sobre a CPI da Pandemia

O jornalista Alexandre Garcia avaliou nesta quarta-feira (28) a declaração do senador Renan Calheiros a respeito da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, apontando possível decisão prévia no que deveria ser um julgamento imparcial entre os integrantes da mesa.

Na visão do recém-eleito relator, Renan Calheiros, é necessário que os responsáveis pelas milhares de mortes no país sejam punidos, mas para Garcia o senador parece deixar claro em seu ponto de vista que já existem culpados à vista.

“Tanto na fala na entrevista com o presidente [da CPI, senador Omar Aziz (PSD-AM)] quanto o que se ouve do relator a gente está vendo que eles não chegam com isenção, já chegam com a sentença pronta”, afirmou Garcia.

Ao prosseguir, o jornalista declarou que concorda com o posicionamento de Calheiros quando o mesmo diz que “o país tem o direito de saber quem contribuiu para as milhares de mortes”, e que os mesmos devem receber suas devidas punições.

Porém, Garcia defendeu que a apuração deve ser feita de maneira totalmente imparcial, de modo que aqueles na liderança da CPI deixem de lado preferências políticas, mesmo com a aproximação das eleições de 2022.

“Tem que apurar tudo sem a menor dúvida, mas tem que ser tudo mesmo, desde a responsabilidade pelas vacinas que fingiram aplicar e não aplicaram, da resposta pelas escolhas das vacinas. Todas essas questões a CPI teria que apurar”, finalizou.

A avaliação de Alexandre Garcia foi feita durante o quadro Liberdade de Opinião, da CNN Brasil.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: