10.5 C
Brasília
Quarta-feira, 29 Junho, 2022

Fundação Palmares excluirá livros sobre Marx de acervo: ‘Não somos seita comunista’

O presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, anunciou que a instituição irá excluir centenas de obras sobre o filósofo alemão Karl Marx, responsável pela elaboração inicial da ideologia comunista.

“Mais de 400 obras de e sobre Karl Marx no acervo cultural da Palmares! Os presidentes que me antecederam achavam que Marx era um negão. Tudo será excluído. Não somos uma seita comunista!”, afirmou Camargo em sua rede social.

Crítico do comunismo, Camargo tem utilizado suas redes para se posicionar acerca do assunto e também para criticar figuras que, para ele, não estariam associadas à cultura negra, como o filósofo Karl Marx, ícone da esquerda mundial.

Camargo também tem criticado o suposto “vitimismo” da comunidade negra. Segundo ele, a Fundação Palmares vinha sendo usada para promover ideais errados no tocante à valorização da cultura negra no Brasil.

“Em 31 anos de existência, ninguém no Brasil conhecia a Palmares, até a minha chegada. Prova de que a esquerda não fez nada, exceto chupinhar e aparelhar. Era um gueto dos vitimistas, hoje é uma instituição dos brasileiros. Aprendam!”, disse ele.

DESTAQUE
- Publicidade -
Veja também: