20.5 C
Brasília
Sábado, 21 Maio, 2022

“Tem uma que vai ser bomba”, diz Bolsonaro sobre suposta prova de fraude eleitoral

O presidente Jair Bolsonaro voltou a questionar o sistema eleitoral brasileiro ao responder uma apoiadora em frente ao Palácio do Planalto, nesta quarta-feira (28). Questionado sobre um conselho aos jovens que irão votar pela primeira vez em 2022, o presidente comparou o Brasil com Cuba, afirmando que o País deveria aprender com o erro dos outros.

“Eu acho que todo mundo tem que participar das eleições. Agora, eleições democráticas, como o voto impresso”, disse. “Enquanto em Cuba jovens morrem lutando por liberdade, aqui no Brasil tem alguns que fazem de tudo para perde-la”, comparou.

Na sequência da conversa, Bolsonaro voltou a insinuar que as eleições no Brasil são fraudadas e reafirmou que irá apresentar provas “bombásticas” durante sua live de quinta-feira (29).

“Eleições sem termos a certeza de que o voto foi para quem votamos não é eleição. Isso não pode acontecer no Brasil”, afirmou. “Por que o ministro Barroso está tão preocupado em não ter eleições democráticas? Ele é contra a democracia? Parece que é”, provocou o presidente.

“Estamos oferecendo uma maneira de comprovar que as eleições não vão ser fraudadas e ele quer que acabem as eleições e continuemos com a dúvida. Repito. Amanhã, às 19 horas, vamos mostrar as inconsistências das eleições de 2014 e 2018. E tem uma que vai ser uma bomba. Não tem como você acreditar que as eleições são limpas no Brasil. Não são limpas”, enfatizou Bolsonaro. Com: Gazeta do Povo.

- Publicidade -
Última notícia
- Publicidade -
Veja também:
close