Mais

    Bia Kicis enquadra ministra da Saúde: ‘Não adianta querer nos calar’

    A ministra da Saúde, Nísia Trindade, foi convocada por deputados da oposição a prestar esclarecimentos sobre uma suposta compra irregular de frascos de imunoglobulina às 13h30 desta terça-feira na Câmara.

    Os insumos, contratados em março, ainda não teriam sido entregues ao Ministério. Em contato com o Radar, da Veja, o Ministério da Saúde afirmou que a compra foi emergencial, mas nunca irregular e o pagamento dos contratos feito diretamente à farmacêutica, não para a representante classificada como “microempresa” por um parlamentar.

    Na ocasião, a ministra também foi questionada sobre a decisão do governo Lula de tornar obrigatória a vacinação de crianças até 05 anos contra a COVID, algo que vem sendo fortemente criticado por parlamentares e parte dos profissionais da área médica.

    Ao dizer que os questionamentos levantados contra a vacinação seriam criminosos, a deputada federal Bia Kicis, na condição de presidente da comissão, reagiu, subindo o tom contra a ministra. Assista a gravação abaixo:

    Leia também:

    Posts da semana

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui