20.5 C
Brasília
Sábado, 21 Maio, 2022

Caso Lázaro: Defensoria do DF entra com pedido de proteção especial ao criminoso

Em mais um desdobramento do Caso Lázaro, a Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) entrou hoje na Vara de Execuções Penais do DF (VEP-DF) com um pedido de “proteção da integridade física e psíquica do apenado”, figura essa acusada de vários crimes praticados desde 2008, incluindo uma chacina em Ceilândia, onde quatro pessoas da mesma família foram assassinadas.

A defensoria afirma que “considerando a enorme repercussão nacional conferida ao caso, visando salvaguardar a vida e a saúde de Lázaro, a defesa técnica solicita ao ilustre juízo que, desde logo, seja garantida a proteção da integridade física e psíquica do apenado”.

Em caso de prisão, a Defensoria também pede que o criminoso seja mantido “em instalações seguras, se possível, sem ter que dividir cela com outros internos do estabelecimento prisional, em caso de ser recapturado com vida”.

O órgão destacou, aparentemente, que a grande repercussão do caso pode ser um fator de risco contra a figura do criminoso. Vale destacar que Lázaro já fugiu da prisão em outra ocasião, após ter a sua prisão relaxada, indo para o semiaberto, vindo a praticar uma sequência de crimes em seguida.

Com isso, a Defensoria afirma que o pedido de proteção se faz necessário, também, “em face de ataques midiáticos e dos pedidos de ‘entrevistas exclusivas’ ou outro tipo de promoção que o exponha ainda mais quando houver a recaptura, pois estamos vivenciando um sensacionalismo exacerbado nas buscas pelo apenado, com inúmeras comparações do caso com os filmes de ação e com a proliferação de ‘memes’ nas redes sociais criados pelos usuários que acompanham atuação dos agentes públicos”.

- Publicidade -
Última notícia
- Publicidade -
Veja também:
close